Testemunhos

Voltar a aprender de novo!

Joaquim Santos

A Universidade Sénior expandiu os meus horizontes.

Maria Santos Lima

Quem Somos

Baseada num modelo organizativo de inspiração Britânica, a Universidade Sénior de Odivelas constituiu-se, em 2006, como uma associação sem fins lucrativos – Associação Sénior de Odivelas –, procurando organizar-se funcionalmente pelo estabelecimento de protocolos com a Câmara Municipal de Odivelas e com entidades privadas significativas no concelho, no que concerne à dinâmica educativa – destas.

 

Releva-se a importância da parceria com o Grupo Pedago, entidade instituidora do Instituto Superior de Ciências Educativas, única instituição de Ensino Superior do concelho, e cuja vocação formativa se centra na área educativa (formação de Educadores para diversos níveis de ensino, de Animadores Culturais e de Educadores Sociais, entre outras áreas).

 

Integrada na área geográfica do Concelho de Odivelas, a Associação Sénior de Odivelas surge da vontade dos seus associados fundadores em colaborar, com o seu know-how em Educação, na dinamização intelectual, social, física e cultural da população sénior do Concelho, apoiando uma intervenção continuada de aumento da qualidade de vida deste extrato populacional.

 

Fazendo Odivelas parte da Associação Internacional de Cidades Educadoras, uma ação concertada especificamente dirigida aos seniores do Concelho assume-se como muito pertinente, dentro de um discurso de formação ao longo da vida, constituído como um dos princípios estabelecidos pela Carta das Cidades Educadoras.

 

A Universidade Sénior de Odivelas assume uma vocação pluralista e tem por objetivo promover atividades de envolvimento intelectual e físico para os seniores do concelho de Odivelas, pretendendo contribuir para a atualização de conhecimentos, para a criação e manutenção de relações sociais e culturais e para o desenvolvimento de investigação gerontológica interdisciplinar e inter-universitária. Entenda-se como Sénior, e de acordo com a definição assumida pela União Europeia, o cidadão maior de 50 anos de idade.

 

A Universidade Sénior de Odivelas encontra-se no quinto ano de funcionamento. 

As ofertas formativas são bastante diversificadas, contemplando: Cursos; Visitas Culturais; Tertúlias; Palestras e Congressos. 

 

Valorizando a experiência acumulada e as áreas de vida profissional dos seus «alunos», a Universidade Sénior de Odivelas encontrará os seus «docentes» preferencialmente no seio dos associados, sendo que um formando em frequência de um conjunto de disciplinas poderá ser, em simultâneo, docente de uma outra.

O conhecimento será transmitido numa linguagem acessível a todos de modo a situar no espaço e no tempo o valor constituído pela experiência adquirida pelos alunos durante o desempenho das suas atividades profissionais.

 

Todas as iniciativas não disciplinares (Tertúlias, Congressos) serão realizadas por personalidades de reconhecida competência académica e profissional e de elevado sentido ético, recrutadas de entre os parceiros e entidades apoiantes da Universidade.

 

Objetivos

A Universidade Sénior de Odivelas tem por objetivos principais:

 - Incentivar a participação e organização dos seniores em atividades culturais, de cidadania, de ensino e de lazer.

- Divulgar a história, as ciências, as tradições, a solidariedade, as artes, a tolerância, os locais e os demais fenómenos sócio-culturais entre os seniores.

- Promover serviços, deveres e direitos dos seniores.

- Desenvolver as relações interpessoais e sociais entre as diversas gerações.

- Fomentar a pesquisa sobre temas gerontológicos.

 

Ofertas formativas

As ofertas formativas estão agrupadas em quatro grandes grupos: Cursos; Visitas Culturais; Tertúlias; Palestras e Congressos;

 

CURSOS – O conceito de Curso refere-se a um conjunto de cinco disciplinas, a escolher por cada candidato de entre a oferta possível em cada novo Semestre. As disciplinas em oferta serão determinadas semestralmente, de acordo com as disponibilidades dos formadores.

 

VISITAS CULTURAIS – Acompanhamento de visitas a Museus, Palácios, Teatros, Centros e Feiras Culturais, Galerias e Exposições.

 

TERTÚLIAS – Espaço de debate com periodicidade quinzenal, promovido por um professor, sobre um tema da atualidade.

 

PALESTRAS E CONGRESSOS – Reuniões Magnas, onde serão tratados assuntos de interesse público.

 

O funcionamento das disciplinas rege-se pela oferta de formadores que seja possível, em cada semestre de funcionamento, encontrar (de entre os associados e na Comunidade).

Elencam-se possibilidades de oferta, por áreas:

 

Línguas: Espanhol, Francês, Inglês, Português

Ciências Sociais e Humanas: Antropologia, Filosofia, História, Psicologia, Sociologia, Economia Geral

Cultura: Música, Arte Plástica, Arte Dramática, Literatura, Poesia

Saúde: Nutrição, Cuidados Primários

Informática: Windows, Word, Power Point, Excel, Internet

Artes Práticas: Artesanato, Cerâmica, Olaria, Decoração, Tapeçaria, Bordados, Pintura, Desenho

Turismo: Hotelaria, Termalismo, Gastronomia, Enologia.

Atividades Físicas e Expressivas: Expressão Dramática, Exercício Físico

 

Serviços afectos ao Grupo Pedago, disponibilizados para acesso aos associados da Associação Sénior de Odivelas:

 - Gabinetes de Aconselhamento Jurídico e Psicológico

 - Pavilhão Gimno-Cultural

 - Biblioteca

 - Sala de Informática

 - Cantina e Bar

 - Transporte (em determinadas condições)

 - Piscina (mediante condições específicas de utilização)

 

A Universidade Sénior de Odivelas será, por vinculação protocolar, apoiada anualmente pela Câmara Municipal de Odivelas, mediante apresentação do seu Plano Anual de Orçamento e Investimentos. 

Esperam-se vir a constituir outras parcerias de apoio, bem como a sensibilizar a Comunidade no sentido de, e ao abrigo da aplicabilidade da Lei do Mecenato, poderem contribuir para a dinamização da estrutura desta Associação. Os Planos de Orçamento e Investimento para cada ano civil serão apresentados aos Parceiros anualmente até ao dia 15 de Dezembro do ano anterior.

 

Corpos Sociais

 

Assembleia Geral: 

- Susana de Carvalho Amador (Presidente da Mesa)

- Maria Fernanda Franchi (Vice-Presidente)

- Jorge Ramos da Silva (Secretário)

 

Direcção:                 

- Isabel de Sousa Damião Martins (Presidente)

- Isabel Aires (Vice-Presidente)

- Hermínia Flora Freitas (Secretária Executiva)

- Maria Augusta Esteves (Tesoureira)

- Fernando Barros Antunes (Vogal)

- Maria Luisa Ferreira Lícias (Vogal)

 

Conselho Fiscal:

- Manuel Porfírio Varges (Presidente) 

- Eurico Olímpio Costa (Secretário) 

- Celestino Costa (Relator)